O Mal da Solidão… Acontece!!!

Para não se viver só
 
 
 
D. Faure/G. Kelly
 
Para não se viver só
Vive-se com um cão
Vive-se com uma rosa
Ou com uma cruz.
 
Para não se viver só
Inventam-se histórias
Guardam-se recordações,
Uma sombra, vãs histórias.
 
Para não se viver só
Vive-se para a Primavera
E quando uma se acaba
Para a de outra era.
 
Para não se viver só
Eu amo-te e  espero-te
Para ter a ilusão
De não viver só
De não viver só…
 
Para não se viver só
Mulheres amam outras
E vê-se homens casr com outros.
 
Para não se viver só
Há quem faça filhos
Filhos que são tão sós
Como todos os filhos.
 
Para não se viver só
Erguem-se catedrais
Onde todos os que estão sós
Procuram os demais.
 
Para não se viver só
Eu amo-te e espero-te
Para não ter a ilusão
De não viver só.
 
 
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Para Ler e Guardar.... ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s