Os Tapetes Mágicos de Portugal

 
 
 
 
Os Belos Tapetes de Arraiolos
 
 
 
Ivanir Faria
 
 
 
Há milênios, os povos eslavos inventaram tecer
um ponto cruzado oblíquo sobre tecidos de juta.
O resulado final desses pontos em cruz, um curto e outro comprido,
sobrepostos, era uma rica tapeçaria.
O ponto chegou ao norte da África, teve influência  nos bordados
marroquinos e foi levado pelos mouros à Espanha e a Portugal .
Lá, inspirou a indústria doméstica desses tapetes,
incorporando-o ao nome de uma vila portuguesa,
a tal ponto de roubar-lhe o nome "Arraiolos". 
O resto, é História: o mais antigo tapete bordado com tais pontos
encontra-se na Catedral de Astorga e data-se do século XII.
 
 
 
 No final do século XV os mouros foram expulsos da
Península Ibérica e os habitantes locais tomaram o poder
das diversas oficinas de tapetes, muitas delas nos arredores de Arraiolos,
situada a cerca de 150 km a sueste de Lisboa.
A vila possuia pastagens de ovelhas e produzia lã de excelente qualidade.
Inicialmente os desenhos persas do pavão e das
tulipas dominavam os tapetes,
mas as flores e aves locais ganhavam cada vez mais a cena,
aliadas aos motivos folclóricos portugueses.
 
 
 
 Durante o século XIX, os tapetes feitos à máquina quase
terminaram com os tapetes artesanais,
mas através da familia Rosado, essa Arte e manteve-se viva.
Em 1920, a Senhora Jacinta Rosado possuía os segredos e
centenas de desenhos originais, impulsionando uma nova fábrica a crescer.
 
 
 
 Hoje, as fábricas de tapetes de Arraiolos e a
Fundação Ricardo do Espírito Santo mantém um museu e uma
escola de resturo, incentivando novos artífices.
Espalhados pelo mundo, os tapetes de Arraiolos enriquecem
a Casa Branca, em Washington, o Palácio Real de  Mônaco,
os Museus de Londres e Paris, além de estarem nas mansões
de astros e estrelas de Hollywood…
Também, pela bagatela de 100 dólares por metro quadrado,
qualquer um de nós, simples mortais poderá pisar
numa dessas obras artesanais…
 
 
 
Embora eu considere um crime fazê-lo e
prefira vê-los (ou tê-los) emoldurados
e pendurados numa parede!!!

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Viagens. ligação permanente.

Uma resposta a Os Tapetes Mágicos de Portugal

  1. vera santos diz:

    A sua história sobre Arraiolos é linda. Eu também faço estes bordados e prefiro vê-los nas parede. Tenho bastantes em minha casa. Adorei!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s