Dior X Balenciaga, Moda e Mídia

Balenciaga: O Papa da Moda, o Mestre da Alta Costura!

“Dior vestia as ricas; Balenciaga, as milionárias”, escreveu o historiador inglês Paul Johnson em seu último livro, Os Criadores. “Suas roupas eram, acima de tudo, confortáveis, um fato surpreendente, considerando-se sua grandeza, sua complexidade e a magnificência dos materiais usados.”

O fotógrafo de moda Cecil Beaton (1904-1980), quando questionado sobre Cristóbal Balenciaga (1895-1972), respondeu: “Ele fundou o futuro da moda.” Entretanto, o eleito da mídia da época era Christian Dior (1905-1907), também admirador do estilista concorrente. Aliás, Balenciaga era mais que estilista: era um verdadeiro costureiro. Sabia conceber modelos, desenhar, traçar moldes, cortar e costurar vestidos. Nem todos os conhecidos “costureiros” franceses sabiam, de fato,  costurar.

Dior ficara famoso ao lançar o New Look, coleção batizada pela editora da revista Harpeer´s Bazaar,  Carmel Snow (1887-1961),  em 12 de Fevereiro de 1947. A notícia ecoou, cristalizou o nome “Dior”, mas os especialistas de moda sabiam que o gênio inovador era na verdade, Balenciaga. Mas o que fez o nome “Balenciaga” minguar na imprensa da época foi o próprio Cristóbal. Depois de conhecer a indústria da confecção e sua produção em série nos Estados Unidos da América, Balenciaga regressou da sua viagem decidido a nunca mais utilizar máquinas na confecção de suas criações. Isto, é claro, limitava sua produção. Seus modelos exclusivos eram destinados a uma clientela selecionada e sua execução era o resultado de um primoroso trabalho manual, num atelier tão silencioso como um convento.

aaaaaaaaaaaaaaaaa

Considerado um “arquiteto da moda”, o costureiro selecionava sua clientela e só costurava para aquelas mulheres nas quais suas roupas ficavam bem. Em seu livro “Dener o Luxo”, o estilista brasileiro Dener Pamplona de Abreu (1937-1978) conta como Balenciaga dispensou como cliente (com educação, cordialidade e toda a finesse) a primeira dama dos Estados Unidos, Sra Jackeline Kennedy (1929-1994):

“Excepcionalmente posso atendê-la, em consideração à sua posição e como homenagem a seu marido e ao seu povo. Mas no meu interesse, preferia não vesti-la. Minhas roupas não ficariam bem na senhora que pagará uma fortuna apenas pela minha etiqueta. Eu vendo os vestidos mais caros do mundo e não as etiquetas mais caras do mundo.” Para finalizar a conversa e não deixar Sra. Kennedy desprotegida, indicou: “Quem melhor vestirá a senhora em Paris é Givenchy.” Jackie saiu sem vestidos, mas amiga de Balenciaga.  Hubert de Givenchy (1927) a vestiu de forma perfeita.

Modelos

Outra que saiu sem vestidos Balenciaga foi Farah Diba, futura esposa do Xá da Pérsia. Balenciaga, o “papa da moda” recomendou-lhe procurar a Casa Dior, que na altura tinha Yves Saint Laurent como designer, para ali encomendar seu enxoval de casamento.  É ainda Dener que elogia o faro e a sensibilidade de Balenciaga: “o que ele lançasse hoje, seria tendência de moda cinco anos depois.”

Balenciaga deslocou-se a Paris, em 1960 para confeccionar o vestido de noiva de sua amiga de colégio Fabíola da Bélgica (1928), que se casaria com o Príncipe Balduíno da Bélgica. O modelo em cetim tinha uma singela, porém rica gola e contornos em pele de marta.

Balenciaga retirou-se da moda em 1968 quando viu o pronto-a-vestir começar a dominar o mercado. Hoje a griffe Balenciaga tem dimensões multinacionais, o que descaracteriza toda a visão de minúcia, exclusividade e seleção de seu fundador. O costureiro sempre foi fiel a si mesmo de tal maneira que seu nome foi finalmente reconhecido como o Mestre da Alta Costura.

Para saber mais sobre Cristóbal Balenciaga e sua Grife:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Crist%C3%B3bal_Balenciaga

http://pt.wikipedia.org/wiki/Balenciaga

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Arte e Vida, Estilo, Moda e Comportamento. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s